sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

Nosso GRUPO agora é SECRETO - Bate Papo | Silvana Hennicka

terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Camas SEPARADAS não quer dizer CORPOS separados! #INDIGNADA | Silvana He...

quinta-feira, 14 de julho de 2016

Feminismo ou Machismo?

Enquanto as mulheres continuarem achando que feminismo é o mesmo que machismo, nunca seremos tratadas com igualdade. Choro lágrimas de sangue vendo a ignorância de algumas de nós comparando um Movimento político, filosófico e social que defende a igualdade de direitos entre mulheres e homens, que nos permite hoje, votar, dirigir, sermos mãe solteira, trabalharmos fora de casa, dentre várias outras conquistas, incluindo as que se referem ao sexo, com algo que o homem arrasta por gerações e que faz parte da essência masculina, apesar de que não concordo com esse comportamento, expresso por opiniões e atitudes, de um indivíduo que recusa a igualdade de direitos e deveres entre os gêneros sexuais, favorecendo e enaltecendo o sexo masculino sobre o feminino. Mulheres, não somos homens e nunca seremos consideradas de igual pra igual, principalmente no que diz respeito a relacionamentos, pois nenhum homem vai assumir uma mulher que estampa na cara a sua maneira de levar a vida, dizendo, se homem pode "comer" todas eu também posso "dar" pra todos. Você até pode fazer isso, mas depois não vem se lamentar que ninguém te respeita. "Uma chave que abre qualquer fechadura é uma Chave Mestra, porém uma fechadura que é aberta por qualquer chave é uma fechadura inútil!"
- Silvana Hennicka

Olá meninas, sejam bem vindas ao nosso mundo.
Pra quem me pediu como adquirir os produtos da Nutryer e não é da minha cidade, é só entrar nesse site ou qualquer dúvida pode ser pelo whats: (42)9924-1534.
Vale à pena fazer um teste com os produtos, pois são viciantes, ahahahahah
Loja Nutryer

AMANTE desde os 10 ANOS e GRÁVIDA aos 14 | Silvana Hennicka

terça-feira, 14 de junho de 2016

PPA no Hotel San Rafael

Vocês sabem o quanto eu gosto de "tietagem", né? E não seria diferente em São Paulo. Tive que ir a São Paulo para o 1º Seminário da Nutryer, empresa com a qual estou começando um trabalho de Network Marketing e do nada me vi conversando com o Pedro Paulo da dupla Pedro Paulo e Alex, a qual tinha tido o prazer de conhecer. O Seminário foi um sucesso e não poderia faltar aquela foto básica pra deixar vocês com água na boca. Em breve contarei pra vocês um pouco mais sobre a Nutryer, mas posso adiantar minha lindas, vocês vão amar todos os dermoprodutos e todo o resto da linha. Aguardem as novidades.

domingo, 5 de junho de 2016

Quando os Sonhos se Dissipam - 25) Vinho em Excesso | Silvana Hennicka

Hoje foi dia de gravar História Real. Quem será que foi a escolhida dessa vez? Será que eu dei muitos puxões de orelha? ahahaha... Só assistindo pra saber. Em breve vai paro o ar mais um vídeo da série "Algo Para Contar Aqui". Não preciso nem repetir o quando eu estou amando interagir com vocês, mulheres desconhecidas e que se tornaram minhas amigas, pois a troca de experiências é muito grande. Hoje posso dizer que formamos uma família. Continuem acompanhando e lembrem-se, se esse canal está crescendo tão rápido, é porque vocês fazem parte dele. Obrigada pelo carinho e pelos comentários de vocês, pois essa interação é maravilhosa.

Aqui segue o e-mail para quem quiser contar sua história ou simplesmente pedir um conselho.
algoparacontaraqui@gmail.com

- Silvana Hennicka!

Gina Indelicada!

Quem aqui curte a página da Gina Indelicada no Facebook? Pois é, aposto que vocês não imaginam quem está por trás dela, mas eu sei quem é e simplesmente adoro. Henrique é de uma meiguice que encanta desde o primeiro olhar. Ele é mais um dos que falam que sou parecida com a Thaeme, mas eu acho que sou a Thaeme do futuro já que tenho a idade da mãe dele. ahahahaha... Bom, queria apresentar pra vocês a Gina, que eu amor de paixão.

- Silvana Hennicka!!

domingo, 22 de maio de 2016

Repousando na Eternidade

Em meio à névoa que envolvia meu corpo e embaçava a minha visão, eu tentava visualizar as águas do lago que estava logo à minha frente. O velho banco de madeira onde eu estava sentada parecia ruir a qualquer momento. Ele havia sido abandonado pelo tempo e sua estrutura estava podre e comprometida, mas com certeza suportaria o baixo peso do meu corpo. Em outra época, eu fora uma mulher linda e encantadora, mas a tristeza que carrego em meu ser, me transformou nisso, uma pessoa triste, sem brilho e sem amor próprio. Meus cabelos negros, levemente cacheados estavam ressecados e opacos e minha pele desidratada, deixando visível algumas rugas que não deveriam estar ali, não tendo eu, apenas 35 anos de idade.
            O bosque, onde ao centro estava localizado o lago, parecia um cenário de filme de suspense. Além do frio, uma garoa fina ao entardecer, tornava o local assustador e melancólico. A movimentação de pessoas já não existia e eu estava sozinha, me despedindo das últimas lembranças que rondavam a minha mente. Nada mais me restava a não ser aquele misto de sentimentos envolvendo derrota, decepção e culpa. Apenas alguns metros me separavam da água fria do lago que a neblina insistia em esconder. Quando realmente senti que estava pronta para cumprir o que havia planejado, levantei e aproximei-me do que mais parecia um monstro prestes a me engolir, o Lago das Lágrimas. O lago tinha esse nome por causa de uma lenda. Segundo os antigos moradores da região, uma serpente que habitava essas águas escuras, surgia nas noites de verão e silenciosamente raptava moças, levando-as consigo para uma caverna escondida no fundo do lago. As lágrimas dessas moças seriam responsáveis por manter o nível da água, não deixando que o mesmo baixasse, nem em períodos de extrema seca e então, o esconderijo nunca seria descoberto. Essa história é passada de pai para filho e nos dias atuais, poucos acreditam que isso tudo seja verdade. Nas noites de verão, não temendo nada, muitos jovens fazem do bosque o local ideal para se embriagar e usar drogas. Em meio a alucinações, alguns deles juram ter visto a serpente, mas nada ficou confirmado e então, com o passar dos anos, a lenda foi se perdendo e cada vez menos pessoas falam sobre isso.

O lago era cercado por uma estrutura de concreto formada por três degraus, que impediam o contato da água com a grama, como se fosse uma piscina sem manutenção a qual a água fica turva e assustadora. Subi no degrau que formava o topo da escada e estava molhado por causa da garoa. Quando coloquei meu pé direito no segundo degrau, pude sentir a força de um punhal entrando na minha carne. A água parecia congelada. Mantive-me firme. Coloquei o outro pé no degrau seguinte e quando prossegui, senti tudo sumindo debaixo dos meus pés e meu corpo foi lançado ao desconhecido. Uma imensidão de água pressionou os meus ouvidos e eu percebi que tudo se daria muito rápido. Eu queria estar ali. Eu queria afogar-me nas lágrimas das moças que foram raptadas, e então, acabar com aquele sofrimento que maltratava a minha alma e fazia de mim um poço de desespero. E foi no exato momento que eu decidi entregar-me ao que pensava ser o meu destino, que tive a sensação de não estar só. A princípio pensei que um anjo se fizesse presente, mas esse pensamento se dissipou e então, imaginei que as mãos que me puxavam para cima, pudessem ser das virgens que a serpente raptou. Alienada em meio a vários tipos de sentimentos, enquanto meu corpo era lançado sobre os degraus de concreto, por onde, há alguns segundos, eu havia passado, cheguei a pensar que pudesse ser Deus e que a hora de pedir perdão pelos meus erros havia chegado, mas tudo isso era fruto da minha imaginação. O que eu estava vivendo era real. Eu mantive meus olhos fechados e quando me dei conta, meu corpo já não estava em contato com o concreto, nem tampouco, submerso. Eu sentia o ar gelado na minha pele, mas a água impedia que ele chegasse até os meus pulmões e assim, o pânico começou a tomar conta de mim. Uma voz chamava minha atenção, mas parecia estar muito além daquele bosque. Em um esforço sobre humano eu consegui abrir meus olhos e ao visualizar aquele rosto, senti o ar gélido ultrapassar os limites dos meus pulmões e me devolver à realidade. Deitada sobre a grama quase congelada, eu sentia como se um punhal estivesse entrando em minha pele e comecei a tremer compulsivamente. Aquele rosto desconhecido tentava sem sucesso, arrancar-me palavras, mas eu percebia apenas o seu olhar de desespero em meio à situação que eu causara. Em uma súbita vontade de voltar no tempo e nunca ter entrado naquelas águas turvas e frias, eu senti que a grama já não estava mais sob o meu corpo. Fechei novamente os olhos e quando os abri, reconheci aquele rosto. Meu amor havia voltado para me salvar da maldade do mundo e das pessoas. Desde a sua partida eu não sentia mais o amor que um dia habitou meu ser. Aos poucos meu corpo começou a flutuar. A dor e o frio desapareceram a então, eu fui repousando no fundo barrento do lago, onde me mantive por toda a eternidade ao lado do meu grande amor.

- Silvana Hennicka

Não é meu AMANTE pelo SEXO e sim por CARÊNCIA | História Real

Quando os Sonhos se Dissipam - 17) Os Enjôs de Sophia | Silvana Hennicka

sábado, 21 de maio de 2016

Quando os Sonhos se Dissipam - 16) A Decepção de Marcos | Silvana Hennicka

Traição - Meu Nome é "Marcos" | História Real

Recebi o primeiro e-mail de um homem casado e apaixonado pela amante e como eu sei que vocês estavam esperando por isso, vou postar aqui até conseguir fazer o vídeo. Estou postando exatamente como ele escreveu, sem correção ou qualquer outra coisa.

"Oi Silvana, antes de começar a me xingar, quero dizer que adoro seus vídeos, sua história, emfim adoro como se posiciona diante desses assuntos.

Sou casado, tenho dois filhos, estou nessa relação a uns 12 anos entre namoro e casamento, minha mulher é muito independente, tem sua profissão, carro, não depende de mim para coisas do dia a dia, mas é do tipo que arruma briga por copo na pia, roupa jogada, não gosta de cachorro, enfim, coisas que a maioria das mulheres brigam mesmo, diz que me ama muito, mas eu não acho que amo ela, tenho um sentimento por ela mas acho que não é amor, a uns 7 anos me envolvi com uma pessoa, no começo achei que estava gostando muito dela, mas era só um sexo bom, ela se apaixonou por mim e até confessou que me amava, quando percebi que ela estava se apegando muito a mim, decidi terminar tudo pois como não gostava tanto assim dela não queria que ela sofresse, bom passaram 7 anos e aconteceu agora a nove meses, me apaixonei novamente por outra pessoa, eu tenho 38 anos, ela 26 trabalhamos juntos, ela já teve muitas desilusões amorosas, do tipo de ficar até doente, enfim uma pessoa muito fechada por conta das decepções que sofreu na vida, nossa relação começou daquele jeito normal, flertando de vez em quando,um olhar diferente mas o fato de eu ser casado acho que tirava q coragem dela em se envolver, um dia estávamos sozinhos a noite na sala e brincadeira vai brincadeira vem, nos beijamos loucamente, foi mágico tanto para mim quanto para ela, passou uma semana ficamos juntos novamente, após um mês nossa primeira transa, ela muito tímida, não fazia nem oral, mas eu fiz nela, gozou 7 vezes na nossa primeira transa, depois disso, vamos ao motel pelo menos uma vez por semana a nove meses estamos nesse ritmo, nosso sexo é incrível, de todas as vezes o menos que ela gozou foi 5 vezes, eu me controlo bem, consigo ficar até uma hora sem gozar,metendo forte, chupando e fazendo as coisas que ela gosta, amo dar prazer para ela, emfim, nos apaixonamos e nos amamos muito, é muita saudade no fim de semana porque não dá para se ver de sábado e domingo, mas na semana pelo menos uma vez vamos no motel e levo ela em casa todos os dias, daí dá par conversar e namorar bastante, eu quero me separar mas não tenho coragem, quero viver minha vida com ela, começar tudo de novo, não quero dividir nada com minha mulher, quero deixar tudo para ela e os meninos, mas também não quero revelar isso para ela, acho que sofreria demais sabendo de uma traição, prefiro sair como um casamento que não deu certo, e não por uma traição, não sei se estou certo ou errado, sei que amo minha amante demais, tenho relações com minha esposa , fazemos um sexo gostoso também, mas eu tenho certeza absoluta que não amo minha esposa, tenho carinho, gratidão, mas amor eu sinto pela minha amante.....

Eu preciso muito ouvir o que você tem para me dizer, eu confio muito na coisas que diz, sei que está muito ocupada com suas coisas, se não der para gravar o vídeo sem problemas, mas se puder me responder com sua visão sobre meu caso, ficarei muito grato...."

O que eu penso?


​"
Bom dia "Marcos".
Fico tão feliz quando um homem me manda e-mail.
Impossível não fazer esse vídeo, pois é uma visão oposta ao que sempre falo.
Eu nunca julguei os homens por terem amantes mas eu fico muito irritada com a covardia de vocês.
Minha mãe já dizia que se dependesse de homem para ter um filho de parto normal, a terra não teria ninguém.
Eu sei que expor sua opinião vai fazer com que minhas leitoras criem esperanças em relação aos seus amantes, já que tudo o que a maioria quer é isso, que eles larguem as esposas para ficar com elas.
Eu e você sabemos que isso quase não ocorre, com seu primeiro caso foi assim, não que alguns não amem as suas amantes, mas porque vocês são covardes para enfrentar o novo e sair da rotina. Vocês preferem perder um grande amor a ter que largar um amor que já passou.
Por que vocês se importam tanto com a opinião dos outros?
Por que vocês envelhecem infeliz e levam junto a esposa, que provavelmente é infeliz também, pois sentimos a energia das pessoas, principalmente na hora do sexo e tenho certeza que no fundo ela sabe que você queria estar com outra mulher e não com ela.
Quando descobri a traição do pai dos meus filhos eu fiquei louca, briguei, xinguei, tentei bater nele, coisas que hoje eu jamais faria, mas por sermos "donas" dos maridos, não queremos perder nosso objeto de conquista, mas o fato, é que nossa covardia e a de vocês também, faz com que perdemos uma fase preciosa das nossas vidas, quando ainda teríamos tempo de nos resgatar como pessoas, aprender a voar novamente.
Você disse que sua esposa é irritada com tudo, cara, desculpa, mas ela não te ama, e sabe por que sei disso, nunca amei o pai dos meus filhos, mas falava pra ele que amava e eu era igual a ela, buscava ser feliz com as coisas da casa e parecia uma tirana com ele e com os meus filhos. Tudo era motivo pra brigar e gritar. Hoje continuo caprichosa com minha casa, mas não brigo com meus filhos pra que tudo seja do meu jeito. Descobri que as pessoas tem vontades próprias e que nem tudo o que me faz bem, pode fazer bem a quem convive comigo e é essa, a mágica da vida e o respeito ao "próximo".
Quando realmente somos felizes em uma relação, somos leves e não um poço de nervosismo e exigência.
Você queria minha opinião, certo?
Com o passar dos anos os casamentos realmente ficam mornos e tendemos a buscar novas emoções, não porque somos mal caráter ou coisas do gênero, mas porque não nascemos para sermos aprisionados e a sociedade ditas regras e o que devemos fazer desde que nascemos e por isso nos sentimos culpados e responsável pela felicidade dos outros e isso é errado. O ser humano é um ser, livre. Liberte-se e liberte sua esposa, e sim, você a ama, mas não é amor de homem/mulher que envolve desejo e paixão, é simplesmente amor e quem disse que não podemos amar várias pessoas ao mesmo tempo, a sociedade? 
Em relação a contar pra ela sobre ter outro amor, eu sempre falo que a maior traição não a que envolve sexo, mas sim a que envolve sentimentos e você não tem coragem de deixá-la, mas está sendo desleal com ela a ponto de estar a seu lado por obrigação. Para uma mulher isso é pior do que ser deixada no altar. Saber que temos alguém ao nosso lado por piedade ou porque é cômodo, dói demais, apesar de que muitas mulheres aguentam os casos extra conjugais dos maridos, apenas por egoísmo. Acho isso muio pior. A falta de amor próprio aprisiona nosso espírito.
Mas em relação a você, cara, vai viver sua paixão, seu novo a amor e dá pra ela também a chance de te amar por completo, mesmo que dure um dia, doe-se a ela se você a ama de verdade e se esse amor é recíproco. É muito difícil temos na cama esse fogo que vocês tem, então "chuta o pau da barraca".
Se não quiser contar pra sua esposa que está amando outra pessoa, lembre-se que se ela descobrir ela se sentirá traída duas vezes e aí sim, ela vai lhe odiar.
Você não precisa contar que está com outra pessoa, mas que por estar sentindo algo diferente por outra mulher, vendo essa mulher com outros olhos, você percebeu que seu casamento já acabou e que não é justo com vocês, ficarem fingindo. Eu sei que você está preocupado com ela, mas ela supera, eu superei 3 casamentos que não deram certo e envolveram traição, de todos os tipos e eu nunca os traí, o que faz a gente sentir mais raiva.
Tem um porém, se tomar essa decisão de sair, não olhe pra trás, pois o pior para as mulheres "largadas", é quando elas se apegam as algumas migalhas e alimentam esperanças de uma volta. Isso não pode acontecer, você precisa sair pra não voltar.
No dia que você estiver com seu grande amor e se sentir livre você vai entender do que eu estou falando.
Você não tem obrigações emocionais com sua esposa, isso é problema dela, pois jamais supriremos a carência de ninguém ou faremos alguém feliz, isso tem que fazer parte da essência de cada um e pouca gente sabe disso.
Eu teria terminado meu primeiro casamento um dia após ter começado, mas ele sempre achou que eu o amava, pois entre ter o incerto, eu me apeguei os que me dava segurança e talvez ela pense a mesma coisa em relação a você e como se dá muita importância para a opinião dos outros, é possível que ela não queira ser apontada na rua como uma mulher largada pelo marido."

P.S. Lembrem-se, não somos propriedade e nem proprietários de ninguém e a grande magia da vida está em respeitarmos as diferenças e sermos leais para com quem convivemos.

- Silvana Hennicka






Olá Meninas!
Quem acompanha o meu canal no Youtube, já está sabendo que várias leitoras estão me enviando e-mails, alguns para que eu faça vídeos e outras apenas para me pedir conselhos. Eu prometo para vocês que por mais que os vídeos demorem, eu tentarei fazer todos, mas o mais importante é essa interação que eu tenho com vocês. Eu já as considero pessoas que fazem parte dos pedaços da minha memoria. Fico mais feliz ainda quando sei que meus conselhos mudaram a trajetória de alguém, como já aconteceu com duas leitoras, que decidiram dar um basta na "meia" vida que levavam, para seguir em frente sozinhas e não mais se contentar com migalhas. Continuem acompanhando o Canal e ouçam também os áudios do meu livro, o qual eu estou narrando com essa minha voz de locutor gripado, ahahaha!! Não é fácil manter um canal atualizado, com tanta coisa a fazer no dia a dia, mas pra ter esse carinho e esse retorno de vocês, vale à pena o esforço e é por isso que eu quero mais uma vez agradecer a todas por entrarem de cabeça comigo nessa aventura de mudar de vida para encontrar a felicidade que há muito não estava por perto.

- Silvana Hennicka

Quando os Sonhos se Dissipam - Um Antigo Cliente | Silvana Hennicka

Sinto Falta...

Nessa madrugada fria, tenho a chuva como companhia e o frio que me lembra você. Sinto falta das nossas madrugadas e dos beijos intermináveis que me arrancavam suspiros. Sua pele quente aquecia até minha alma e fazia meu corpo transpirar prazer e vida. Sinto falta do perfume e de tudo que me transformava na flor que você colhia todas as manhãs quando me acordava com um beijo. Sinto falta da areia em meus pés e da sua mão segurando a minha enquanto andávamos sob o calor do Sol. Abri os olhos e novamente senti o frio da minha cama enquanto a chuva se intensifica. Os trovões me assustam e não tenho você para me abraçar e sussurrar em meu ouvido que está tudo bem. Te quero de novo, um dia apenas e depois poderei prosseguir.

- Silvana Hennicka

terça-feira, 17 de maio de 2016

Muitas pessoas me perguntam qual o significado dessa tatuagem, uma borboleta pousando em uma rosa. Depois que eu me curei do câncer eu percebi que estava prestes a romper o casulo e ter finalmente a minha liberdade, assim como acontece com a borboleta, minha metamorfose estava concluída, mas percebi que para chegar nessa fase de liberdade eu tive que passar por muitas coisas difíceis. A rosa é a flor que simboliza o amor, mas para tê-la em suas mãos você precisa vencer os espinhos e talvez isso a torne tão especial. é bem difícil colher uma rosa sem se ferir e foi isso que aconteceu comigo, muitas cicatrizes até chegar a felicidade. Duas metáforas perfeitas que descrevem a minha trajetória, que apesar de difícil meu deu dois anjos, meus filhos e foi por esse motivo, que tatuei o nome deles em meio a minha receita de superação e liberdade.

- Silvana Hennicka!
Hoje eu acordei dançando e vibrando muito por estar viva. Saí da cama agradecendo como todos os dias pela minha vida, pela minha saúde e por tudo ser tão perfeito. Você já agradeceu hoje pelo que você tem, antes de começar seu dia reclamando? Você já abriu a janela e deu bom dia para o Sol ou para a chuva, caso ela tenha vindo lhe presentar com gotas cristalinas de água que são necessárias para que a vida exista? Faça isso agora. Respire fundo e apenas agradeça, pois a vida é uma dádiva e ela vai durar tão pouco para que nos apeguemos a coisas insignificantes como uma briga amorosa, um rancor guardado em nosso peito, uma tristeza... Esqueça o passado e as mágoas, apenas viva e perdoe, isso fará a maior diferença em sua vida mesmo que você faça isso apenas dentro de você.

- Silvana Hennicka

domingo, 15 de maio de 2016

Momento "Relax" - Fazendo as Unhas com Beauty Color

Muitas pessoas perguntam se uso unhas postiças. Não, eu nunca usei unhas postiças. Lembro que escrevi em um texto falando que eu não gostava da minha mão, pois era muito e agora eu percebo o quão linda ela é. Além de não usar unhas postiças, eu mesma "faço" a minha unha. sou minha manicure. Esse é um dos momentos que eu tiro pra relaxar, pois sendo meio hiperativa eu nunca paro e fazendo a unha eu consigo até assistir um filme. O que você acha de tentar? Eu não sei fazer maquiagem, mas minhas mãos estão sempre impecáveis. Uma dica de esmalte que eu dou, são os esmaltes da Beauty Color, são fáceis de aplicar e duram vários dias.

- Silvana Hennicka

Detonando

Vale à pena conhecer pessoas especiais. Realizar um sonho é preciso e conhecer o Tico era algo que eu sempre quis. Lembro que um amigo me falou uma vez da emoção que sentiu quando ganhou a Baqueta após um show do Detonautas em Rio Branco no Acre e eu jurei pra ele que eu queria abraçar o Tico e após 4 anos eis que aqui estou. Não só abracei, como também conversei bastante com ele e só fala mal, quem não o conhece.
Obrigada pelo carinho Tico.

Quando os Sonhos se Dissipam - 10) Revelações de Um Travesti | Silvana H...

Como Perder um Homem em Poucas Tentativas?

quinta-feira, 12 de maio de 2016

Acordei pra Mim

Durante toda a minha vida eu fiquei buscando algo que não sabia o que era. Eu passava dia após dia tentando imitar algo fora de mim, mas que se enquadrava no que os outros queriam. Sempre achei minha mão muito grande, meu cabelo muito fino, meus seios pequenos, minha risada exagerada, meu corpo fora dos padrões estilo "gostosona", dentre vários outros defeitos, que no fundo eram as mais belas qualidades que eu possuía. Eu não via isso em mim como um presente de Deus, porque achava as outras mulheres mais lindas com suas mãos miudinhas e seus seios fartos. Passei boa parte da minha vida chorando sozinha por me sentir uma menina pobre e que os meninos mais cobiçados nunca iriam olhar. Mas eu não me lembrava mais que na verdade, os meninos mais lindos do colégios me disputavam no tapa. Claro que eu não via isso, pois estava tão ocupada inveja as outras meninas com seus "corpões" e suas cabeças com cabelos lindos e sedosos, porém sem cérebro. Eu cresci e me casei, só não entendi até hoje porque eu fiz isso, afinal, eu não o amava. Ah, lembrei, eu casei porque todos casam e como todo mundo era meu espelho, eu também queria ter meus filhos, minha casa, cozinhar para um homem e não precisava ser alguém especial, bastava ser homem e me sustentar, porque mulheres criadas para casar e ter filhos, só sabem cuidar da casa e dos filhos. Eu tinha tudo isso, só não entendia o que faltava ainda. O sonho havia se realizado e porque ainda sobrava espaço dentro de mim? O fato é que eu era mais um robozinho que a sociedade e a família haviam programado. Eu não podia errar, eu não podia decepcionar e frustrar os sonhos que outras pessoas haviam sonhado pra mim. Sabe, o tempo passou e o conto de fadas, era de fadas, descobri isso à pouco tempo. Graças à Deus eu descobri a tempo de não ser engolida pelas pessoas falsas e hipócritas que povoam a Terra. Eu acordei antes que tudo se acabe e meus olhos se fechem. O problema de acordar do pesadelo que foi sua vida é que os outros continuam dormindo. Como viver lúcida dentro de uma fantasia coletiva? É fácil, eu descobri uma prece infalível. Você pega um microfone e grita bem alto: "Vão se foder". Depois de fazer isso você descobre que não precisa mais fingir que gosta de pessoas que no fundo você não suporta. Não precisa mais fingir que gosta de ir para a cama com alguém só para não ser chamada de frígida. Não precisa mais perder seu tempo expondo sua vida em redes sociais ou querendo saber tudo da vida dos outros. Você não precisa mais ser a quela mãe que sua mãe foi pra você, agora você pode ser amiga dos seus filhos, pois você acordou. Agora você pode dizer que é melhor ganhar dinheiro do que ser pedida em casamento. Tá, mas e agora que eu posso fazer e dizer, sem fingir, eu virei a pessoas estranha que não se enquadra mais em nada? Quer dizer que temos que fingir que somos felizes para podermos ser aceitos? Eu nunca fui tão feliz, mas não tenho amigos e sinceramente, não me faz falta, mas então, porque as pessoas não entendem que estou bem como estou, que nunca meus negócios foram tão bem? Que eu só vou pra cama com quem eu quero e não com quem me escolhe. Que sempre que eu tenho um tempo pra mim, eu me divirto muito sozinha, meditando. Eu gostaria antes de mandar o mundo pro inferno, dizer que eu desejo do fundo do meu coração que antes que a vida de vocês termine, vocês descubram que tem aí dentro de vocês, um espírito, que só vai se manisfestar, no dia em que tudo o que está fora de você, não tiver importância e talvez nesse dia, vocês parem de tentar encontrar respostas para a maneira com que eu escolhi pra viver. Obrigada meu amado Universo, por não fazer de mim uma escrava de WhatsApp, Facebook, Instagram, etc... Obrigada por me livrar da necessidade de expôr meu corpo ou minha vida e assim me sentir alguém melhor. Obrigada por me colocar no caminho certo para que eu encontrasse a felicidade aqui dentro de mim e me dar a s ferramentas para que eu posso expressar o que sinto por mim mesma e assim ajudar quem ainda quer uma mudança interna e está correndo atrás do tempo perdido ou do tempo gasto com coisas inúteis.

- Silvana Hennicka!

domingo, 8 de maio de 2016

Preciso olhar novamente pra você.

Sabe, faz muito tempo que não escrevo sobre nós ou para você. Não estou triste nem nada parecido, estou até muito feliz. Lembro como se fosse hoje a sua última frase. A última vez que ouvi a sua voz grossa. Você disse que me amaria até o último dia da sua vida, mas que vivíamos um paradoxo e que havíamos perdido o controle de nossas vidas. Na época eu não entendia o que aquilo queria dizer, eu só pensava que se você me amasse de verdade estaria comigo e tantas mentiras não teriam sido contadas. Hoje, mais madura, eu entendo o que é um paradoxo, ou porque as vezes perdemos a razão em nome do amor. Eu não acreditava que uma pessoa que ama podia humilhar a outra ou mentir, mas então, como eu poderia ter feito tantas coisas erradas e mesmo assim te amar. Quantas vezes eu mesma na me suportava. Admitir meus erros foi a saída que encontrei pra superar a sua ausência. Eu deveria ter olhado mais para mim e menos para você. Eu te amava tanto que não conseguia me ver. Eu anulei meus sonhos e minha vida em função da sua, mesmo que você nunca tenha me pedido isso. Não me arrependo, mas se hoje eu te encontrasse, te olharia com outros olhos e não erraria tanto. Me sinto envergonhada quando releio os textos desse Blog e quando lembro das vezes que te despertei ciúmes, apenas para massagear o meu ego. Não estou aqui eliminando os seus erros da nossa história de amor, mas hoje eu entendo que eles são seus, não meus. Eu aprendi a lidar com os meus erros, o que antes eu não admitia. Passei tanto tempo jogando na sua cara o quanto você errava comigo que não percebia o quanto eu errava com você. Sei que não preciso lhe pedir desculpas, pois a culpa quem carregava era eu e isso eu já superei. No dia que você decidir voltar, apenas para olhar pra mim, eu vou te pedir perdão, pois você merece isso. Você foi o homem que eu mais amei em toda a minha vida e que mudou minha história, me mostrando coisas que ninguém mais mostrou. Fez eu me sentir única na vida de alguém. Depois de você eu nunca mais consegui acreditar no amor de ninguém. Era tudo tão vazio e ao invés de me sentir feliz, eu fugia. Passei anos te procurando em outros homens e agora que não quero estar com ninguém, eu sonhei com você. Sinto você o tempo todo comigo. É como se você fosse entrar pela porta a qualquer momento e me abraçar por 5 minutos. Lembro do dia que você foi no hotel me buscar, você estava de terno preto e eu de vestido branco. Queria que o tempo tivesse parado naquela noite, mas ele não parou e na manhã seguinte, mais uma vez eu engoli a "morte" com um gole de café. Os anos passaram e você não se tornou apenas mais um como era o meu desejo. Os anos passaram e eu CRESCI, sou uma mulher adulta agora, bem diferente da pessoa perdida e sem perspectiva que você conheceu. Estou realizando meus sonhos e vivendo para mim, sem egoísmo, mas pensando em mim primeiro, como deveria ter sido naquela época, que por mais que pareça loucura, foi a melhor época da minha vida. Hoje lembro de você com tanto carinho e amor que o riso invade a minha face sem motivo, apenas de lembrar eu sinto a felicidade da minha alma. Você foi e sempre será aquele urso grande e inseguro, que pedia massagem pra relaxar. Não tenho pretensão alguma, mas eu sei que um dia o destino nos colocará frente a frente, senão para vivermos o nosso amor novamente, pelo menos para que possamos sentar na praia e rir de tudo isso e vai ser nesse momento que eu olharei para você e direi que ainda te amo. 

-  Silvana Hennicka

A Velhice é uma Opção

Sempre soube que a idade chegaria um dia, mas eu descobri durante todo esse trajeto que a velhice é opcional. Não permita que poluam sua cabeça com coisas que só acontecerão se você permitir que aconteçam. Você é dono do seu corpo e destino, faça com ele o que achar melhor. Mesmo que sua pele enrugue e sua aparência não chame mais atenção pela beleza de outrora, lembre-se que dentro de você sempre deverá existir uma alma jovem e vibrante e sendo assim, você morrerá apenas quando esse corpo não conseguir mais se manter em pé, não porque está doente, mas porque o seu tempo aqui já acabou. Valorize seu corpo, valorize sua vida, não se envenene com vícios e sentimentos dispensáveis a nossa existência aqui na Terra.

- Silvana Hennicka

Salve Seu Casamento Resgatando Seu Marido - Seja "Inteligente"

sábado, 7 de maio de 2016

November Rain - Guns N' Roses

Sometimes I need some time on my own
Sometimes I need some time all alone
Oh, everybody needs some time on their own
Oh, don't you know you need some time all alone?

Às vezes preciso de um tempo para mim
Às vezes preciso de um tempo totalmente sozinho
Oh, todo mundo precisa de um tempo para si
Oh, você não sabe que precisa de um tempo sozinha?

Como tem pessoas que não precisam desse tempo? Como conseguem não acalmar a mente, as memórias, se concentrar apenas em si mesmo? Todo ser humano precisa de um tempo para si, mas a maioria não percebe que a melhor companhia é a solidão que nos permitimos de vez em quando. Vivemos em um mundo agitado, onde as pessoas, quando param, estão com o celular na mão, pois as redes sociais são muitas e a curiosidade pela vida alheia torna-se a maior perda de tempo enquanto perdemos a conexão com nosso espírito. É fato que a tecnologia não vai regredir, só tende a aumentar, então cabe a "você" frear o inevitável na sua vida, reservando alguns minutos do seu dia para voltar pra dentro de você e simplesmente não fazer nada. Não pense, não fale, medite, esqueça as pessoas, os problemas, principalmente os que não lhe pertencem, desligue a TV, o Rádio, esqueça o celular em outro cômodo, ou se possível, saia dar uma volta sozinho, sem música, sem ninguém... Quando você perceber que não precisa de nada que esteja fora de você, o universo vai lhe presentear com tudo o que existe fora de você. Faça o teste, conecte-se com você pela manhã, antes de olhos no celular em busca de tudo o que aconteceu enquanto você dormia, isso te fará mais feliz. 

- Silvana Hennicka

domingo, 1 de maio de 2016

Soluços de Desespero

Soluçando, ela ainda sentia o amor.
Aquele mesmo, que quebrou as barreiras do tempo.
Que a fez plantas flores novamente.
E ter o jardim mais lindo.
O choro era inevitável.
Assim como acordar do pesadelo.
Várias ligações feitas para uma caixa postal.
E sua alma pedindo socorro.
Ele não a ouvia.
Estava dormindo.
Ou não?
Sem respostas, ela continuava a soluçar.
As lágrimas molhavam o travesseiro.
As horas se multiplicavam ao invés de passar.
O telefone estava colado à mão.
O sono não vinha.
A noite assombrava.
O tormento aumentava.
Ela queria fugir.
Queria gritar.
Pedir ajuda.
Para quem?
Se seu anjo protetor já não estava mais presente.
Ela abre os olhos.
O sol estava acordando.
Resolveu fazer uma última tentativa.
Alô!
Seu coração voltou a ter esperanças.
Descobriu que tudo pode ser mudado.
Que quando há amor.
Tudo pode ser superado.
Me perdoe.
Eu ainda te amo.
Palavras que não são ditas ao vento.

Palavras que tem um significado único.
Significam que a eternidade pertence a eles.
Que tudo pode ser reconstruído.
Pode ser reconquistado.
Pode ser superado.
Pode se transformar em um monte de mentiras capaz de matar dois corações.

Silvana Hennicka!

Quando os Sonhos se Dissipam - Lágrimas de Decepção | Silvana Hennicka

Quando os Sonhos se Dissipam - Uma História de Amor | Introdução

sexta-feira, 22 de abril de 2016

Puro Mistério!!

Porque você tenta me desvendar, se meu mistério é o que te fascina? 
Fica na platéia olhando para as cortinas, mas no fundo tem medo de assistir ao espetáculo. 
O incerto te dá medo e ao mesmo tempo, emoçõe desconhecidas te satisfazem. 
Está na hora de parar! 
Dê uma pausa e procure viver apenas aquilo que seus olhos estão vendo. Não invente fantasmas. 
Não tenha medo. 
Buscar o prazer em meio ao sofrimento é o mesmo que morrer. 
Leve à sério o real e não o imaginário. 
Viva o hoje e esqueça o amanhã. 
Saia do escuro e torne-se a luz que vai iluminar o caminho que você percorre. 
Te conquistei com o meu brilho.
Te espero com um sorriso.
As coisas que você busca são insignificantes em meio ao amor. 
Você não consegue conviver comigo quando eu deixo de ser luz e me transformo em mariposa, mas então, por que insiste em me apagar, com atitudes que refletem o contrário do que você diz sentir? A espera está chegando ao fim... enquanto você fica nessa busca insessante pelos atos não cometidos, eu vou desaparecendo em meio a escuridão, para adiante, renascer em outra vida, em outro corpo e recomeçar minha busca novamente. Já aceitei que meu destino é passar a eternidade te procurando e vivendo apenas por saber que você existe. Eu já te conhecia de outra vida. seu toque já me era familiar e a energia com que você me envolveu, me mostrou várias direções e até hoje eu não sei qual caminho seguir. Tudo me é inserto e assustador. Estou com medo, medo de não conseguir mais te encontrar e viver vagando por vários mundos e assim, nunca mais sentir meu coração vibrar com o teu abraçoA eternidade me reservame uma maldição, passarei satisfaço em busca de mim mesma e em construir sozinha um mundo que era para ser nosso. Eu não me importo mais com isso, muitos quadros com as nossas fotos preencherão o vaziu deixado pela sua insegurança e julgamentos precipitados. Quero estar sozinha em meio aos "nossos" sonhos relalizados, tendo a certeza de que nem tudo é como a gente deseja, mas que se dermos mais valor aos momentos puros e verdadeiros, poderemos desfrutar de uma vida cheia de felicidade.

Silvana Hennicka!!

Preciso Voltar pra Dentro de Mim!

Isso tudo me machuca, me sufoca, preciso esvaziar os pensamento, dar um tempo pra minha mente. Meu corpo se contorce em meio a dor. Não consigo parar de sofrer esse vício O amor já não supre minhas necessidades. Preciso mais. Preciso sentir a respiração, o calor... Em meio a opções, eu busco entender por que sou assim? Por que tenho que viver neste mar de buscas incessantes? São coisas medíocres que só me desgastam. Eu preciso voltar para o ninho, voltar para as asas do meu anjo, pois ,sem ele, a vida perde a cor e meu mundo se torna insignificante. Acordar pela manhã já se tornou pior do que a dor de uma grave doença, ou do fantasma que insiste em atormentar os meus dias. Eu clamo a todas as bruxas do mundo, resgatem a minha alma do posso de "pixe" que a joguei!!! Sem alma é melhor não viver, é melhor lançar ao vento as minhas cinzas, pois só assim eu estarei livre dessa prisão.
Não quero mais ser esta pessoa a qual, minha outra metade já não pode confiar. Prometo aos Deuses que, se um dia eu encontrar este espírito errante que me completa, darei a ele o alimento pelo qual ele tanto grita, pelo qual ele tanto sofre, mas para isso, eu preciso provar que ainda posso fazer bem, provar a ele, que meu amor não é uma dose de curare, mas sim, uma gota de mel. Eu poderia dizer que, abrir mão deste mundo, seria mais fácil que abrir mão deste "ser" pelo qual eu esperei a vida toda, pelo qual eu vive as mais fortes emoções, pelo qual eu soube chorar de saudade e gemer de amor. Hoje, dormir sem ter as suas asas em volta do meu corpo, é como ficar nua em meio ao gelo, minha pele queima, mesmo meu corpo estando frio, pois o calor que existia dentro de mim, foi sumindo, a medida que eu fui errando. Por muito tempo eu busquei respostas e só agora eu consigo entender o por que de tudo isso. Sofro por ter sido uma pessoa que não soube amar, que não soube lidar com tamanha paixão. Obrigada por ter deixado tudo mais claro na minha mente e ter me mostrado que não tem como amar com palavras, mas sim com o coração. A causa do meu martírio está definida no meio de um monte de frases mal organizadas e escritas por uma mente doente a qual eu deixo guiar a minha vida. Preciso recuperar aquela casa com uma lareira e um cantinho para escrever meus livros. Preciso voltar para dentro de mim e assim resgatar aquela flor pela qual a mais bela borboleta se encantou. Ela nunca se afastava do jardim, até o dia em que sua flor preferida começou a murchar e virar um monte de galhos secos. Mas, ela nunca perdeu a esperança, pois acreditava que, se continuasse regando e cuidando, sua flor não morreria, mesmo assim, ela não resistiu. Ela foi definhando até o último momento, porém, como Deus nunca desiste de quem realmente busca o que é certo, as raízes da bela flor continuaram fortes, e agora, há uma esperança de que tudo volte a ter o mesmo brilho que teve, 3 dias antes do início daquele verão. Brilhar era comigo, sonhar então... isso nem se fala, os sonhos eram o combustível que me levava para um lugar chamado ideal, mas tudo isso foi deixado para traz, no dia em que eu confundi sonhos com devaneios e comecei a duvidar que tudo poderia ser possível. Comecei a dar valor para coisas sem valor e esqueci de observar que, os maiores tesouros são encontrados em meio as pedras. Eu queria um campo limpo e livre de ervas daninhas, mas devido a minha ingenuidade, eu fui deixando elas se proliferarem e destruírem tudo o que havia de bom. Isso só aconteceu porque eu permiti e só cabe a mim dar um fim a tudo isso. Destruir esses parasitas de uma vez, e me livrar de mais essa dependência, é a unica maneira de convencer a bela borboleta a voltar para o seu lugar de origem. Por muitas vezes eu me perdi em meio aos meus sonhos, e num dos mais belos, eu pude sentir o toque de suas mãos, mas quando acordei, a unica coisa que restou, foi um sopro de vento deixado pelo bater de suas asas. Quero pedir para o mais importante anjo que possa ter sido enviado por Deus para nos proteger, que vá até o alto daquela montanha e liberte minha outra metade. Mostre que ele ainda pode voar e diga que venha até mim, não só quando eu estiver sonhando, mas quando eu estiver sozinha e com medo, pois apesar de tudo o que há de ruim em minha vida, eu nunca deixei de acreditar que o amor é o único sentimento que pode deixar o passado para traz e dar um novo rumo no presente, para que o futuro seja o encontro com a felicidade.

Silvana Hennicka!!

quinta-feira, 14 de abril de 2016

Fui eu quem fiz!

Fui eu quem fiz. Reaproveitando 3 vidros de xarope, uma garrafa de suco de uma garrafa de cerveja long neck, eu fiz algumas decorações. Muito simples. Basta ter barbante de algodão que se usa para fazer tapete, cola branca, tinta da cor preferida, pode ser qualquer tinta à base d'água, uma corda de sisal e algumas penas, ou qualquer coisa que você goste. Pronto, coloque um bom filme na TV e bora enrolar o barbante nos vidros. Fácil, barato e vai alegrar sua casa. No meu caso, eu coloquei flores artificiais e incensos, pois eu adoro o cheiro que fica no ambiente, mesmo sem acendê-los. Uma segunda opção é colocar um aromatizador com palitos de churrasco, dessa forma você decora e perfuma o ambiente.








Eu estava agora há pouco na cozinha fazendo meu famoso bolo de banana com aveia, quando recebi um e-mail. Não tem nada de estranho nisso, já que recebo e-mails o tempo todo, mas esse era diferente. Em cada vídeo que eu coloco no meu canal do youtube, tem na descrição meu contato, para que as pessoas possam interagir diretamente comigo, pois bem, esse e-mail me surpreendeu mesmo. Era de uma mulher que diz ter apenas 16 anos de idade, é garota de programa e amante de um homem casado e pai de um filho. Ela me contou um pouco de sua aventura emocional e me pediu pra gravar um vídeo falando sobre como ela deveria agir em relação a sua paixão por ele. Farei o vídeo, mesmo que não me considero a melhor opção para falar sobre isso, mas tentarei ser sensata e equilibrada, ouvindo o que minha alma quer compartilhar com essa "menina".

- Silvana Hennicka!

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

Apenas um Velho Texto Adormecido por Anos | de 2011

Eram sete horas da manhã meu celular tocou. Minha amiga Camila precisava de uma carona até a Universidade, pois havia “perdido a hora”. Na volta, eu fui tomar café na cozinha da pousada onde estava provisoriamente. Sentadas à mesa, estavam a nossa secretária Tânia e uma professora de dança, que eu conheci há pouco tempo. Enquanto o café descia suavemente, conversávamos sobre dependências químicas e psíquicas. O que leva pessoas, ditas normais, a destruírem famílias inteiras, simplesmente por não terem controle de sua mente? Há pessoas que pensam que, ser viciado é não tem vergonha na cara, e que falta força de vontade para largar o vício, mas, só quem já tentou se livrar de alguma coisa, que considerava boa para si, sabe o quanto isso é complicado e doloroso. Eu não entendo muito sobre dependências. Eu sei apenas do meu vício, da minha prisão, e quando eu toquei neste assunto, dizendo em que eu era viciada, a professora de dança, que juro, não lembro-me do nome, nos revelou o tamanho de sua loucura. Quando ela tinha vinte anos de idade, seu noivo morreu de um aneurisma cerebral e ela enlouqueceu, no sentido figurado da palavra. Pegou uma mochila e ficou cinco anos viajando pelo mundo, Austrália, França.... Mandava uma mensagem por mês para sua dizendo estar bem. Após muitos anos buscando algo que não sabia o que era, ela se deparou com o Budismo, mudando sua maneira de ver o mundo. Através do Budismo, ela descobriu o que faltava em sua vida, quando olhou para dentro de si mesma. Sua felicidade a acompanhava o tempo todo, só ela não percebia. Sua felicidade não havia sido enterrado com o corpo daquele homem. Ela então voltou para casa e decidiu fazer a coisa que mais gostava: dançar. Havia largado sua grande paixão pelo simples fato de que seu noivo não queria que ela o fizesse. Foi por ele, que ela chorou, chorou.... e fugiu. Esse homem que morreu, era o vício da professora, da mesma maneira que o cara mais interessante do mundo, era pra mim. Hoje ela está casada com outra pessoa e muito feliz, pois nunca mais abriu mão de nada por ninguém. É feliz pelo simples fato de existir. Na hora que eu comecei a escrever este pequeno texto, lembrei-me de alguns momentos maravilhosos que tive ao lado do homem que eu mais amei. Esses momentos, foram imediatamente encobertos por uma nuvem negra, na hora em que eu  senti no peito uma dor terrível. Agora na minha mente, só estão as mentiras, as agressões físicas e psicológicas, as falsas promessas e muitas outras coisas que me fizeram passar noites em claro e emagrecer vários quilos. O homem que mais me fez feliz, foi também quem mais me fez chorar, e hoje, estou lutando contra este vício, essa droga que me assombra todos os dias. Não me acho perfeita e sei que tive minha parcela de culpa, que talvez tenha sido, amar demais. Agora eu não me culpo mais por nada, pois pensando bem, eu só reagia ao que ele fazia pra mim. Perdi a conta de quantas vezes eu pedi desculpas, apenas para que ele não desligasse o telefone e o meu desespero aumentasse. Na maioria das vezes, eu pedia desculpa, sem saber por quê, pois ele sempre conseguia inverter a situação, e eu ficava convencida que era a culpada por tudo. Por várias vezes eu tive que ouvir ele me mandar calar a "porra da minha boca". Era como se eu fosse um cachorrinho adestrado, que mesmo sabendo que o dono não estava certo, obedecia, apenas para continuar tendo a companhia de seu proprietário. Eu não preciso mais disso. Hoje eu descobri que tenho valor, que estou cercada por pessoas que realmente demonstram o amor que sentem por mim. Estas pessoas não dizem que eu sou importante, depois de me chamarem de vagabunda, elas simplesmente gostam de mim, pelo que sou, e se algum dia eu as magoei e pedi desculpas, sei que fui perdoada. A gente não esquece o passado, mas é preciso saber superá-lo, pois todo mundo tem o direito de errar. Pensando assim, eu tentei esquecer muita coisa que jamais deveria ter esquecido, como a invasão da minha privacidade, quando tive o meu computador rackeado por ele e minha intimidade exposta e várias folhas de papel sulfite. Minhas conversas nada mais eram, do que desabafos em forma de mensagens divertidas com amigas e foram usadas para que eu me sentisse mais culpada pela desgraça que era a nossa relação. Tudo o que eu escrevia, por mais que o magoasse, nunca diminuiu em nada o amor que eu sentia por ele. Eu nunca o traí, mas isso já não vem mais ao caso, pois se o tivesse feito, talvez hoje, eu não me sentisse tão triste em lembrar dos hematomas que ele deixou no meu corpo e que até hoje ele não teve coragem de pedir desculpas. Eu amei esse homem como nunca imaginei que pudesse um dia amar alguém e vivi com ele os melhores momentos da minha vida, mas isso, não diminui em nada a manipulação psicológica pela qual eu passei. Para mim, postar o que foi a minha vida durante um ano e quatro meses, é a certeza do fim, pois ele jamais me perdoará por esse texto se bem que, não tenho do que pedir perdão, estou apenas me libertando da prisão e fazendo o que ele sempre me pediu, transformar nossa historia em textos. Estou saindo das telas do cinema e voltando pra vida real. Eu sou a borboleta que saiu do casulo e agora está livre, deixei de ser aquela mariposa se debatendo contra uma lâmpada, apenas porque achava que aquela luz era sua única salvação, e não conseguia ver, que ao longo da rua, existia mais uma infinidade de postes à sua disposição. Nada disso é por vingança, pois se eu quisesse fazer isso, já teria feito, e, de uma maneira, que só ele sabe qual é. Escrever é a minha paixão e a maneira que encontrei de tirar a dor de dentro de mim. Ainda bem que nem tudo é tristeza. Como eu já disse, com ele eu vivi os melhores momentos de minha vida e que jamais eu deixaria de fora. Nossa história, teve momentos maravilhosos e inesquecíveis. Nem tudo foi sofrimento. Hoje,  eu não sei por onde ele anda, onde está vivendo, mas do fundo do meu coração, eu espero que esteja bem e, que consiga me entender um dia, diferentemente de mim, que nunca consegui decifrá-lo.

Silvana Hennicka.

Doce Sorriso Envolvente

Doce sorriso de um menino que levou minha alma para dentro de si.Você me algemou ao seu peito e jogou a chave fora.Trás de volta para mim aquele sorriso e junto com ele a vontade de conquistar o mundo. Quero deixar o passado para trás e ao seu lado recomeçar. Quando eu o vi pela primeira vez, podia jurar que era coisa de gente que já bebeu um pouco. A princípio eu não te dei atenção, te esnobei, eu só queria saber de dançar, mas você não desistiu e passou muito tempo insistindo com o olhar. Esquecer sua mão na minha cintura é praticamente impossível. Nunca tinha sido conquistada por um sorriso, mas você conseguiu esta façanha. Em meio ao tumulto e a música alta, eu só via você. Mas tive medo de que fosse mais uma ilusão da minha cabeça. Tive medo do meu coração estar me pregando uma peça novamente e então, fugi, mas você veio atrás. Você atravessou mundos, oceanos, apenas para me dar novamente aquele sorriso de menino maroto e feliz. As vezes flutuo em insegurança, mas você me pega pela mão e me mostra que o que importa são dois corpos em um, vivendo apenas um momento, que por mais que pareça ilusão, trás na pele o arrepio necessário para que se transforme em realidade. 

- Silvana Hennicka

terça-feira, 9 de fevereiro de 2016

Se Deus te levou, foi para o meu bem!

A saudade é um sentimento que faz a alma sangrar. É uma sensação estranha, que acelera o coração e causa arrepios. Os olhos ficam tristes e o nosso rosto se transforma. Hoje eu estou assim, com dor na alma e tristeza no olhar, porque a danada da saudade entrou sem ser convidada e me fez lembrar de uma época em que eu fui muito feliz ao seu lado. Era com você que eu queria casar na praia, com aquele vestido longo cor de pérola e os pés descalços. Eu andaria em sua direção enquanto você tocava contrabaixo pra mim. Meus sonhos estavam ligados a sua existência, mas você se foi e hoje só me resta essa caixinha com as nossas memórias. Eu queria ter aproveitado mais o tempo que passei ao seu lado, mas você não tinha muito tempo disponível pra mim e eu me contentava com o que restava de você. Hoje não tem muita graça ir à praia, já não tenho um pescador inexperiente para eu observar enquanto fico sentada na areia dando risada. Você destruiu o meu conto de fadas com suas mentiras, mas agora que não tenho mais você, é tudo tão insignificante, perto do amor que eu te dei e recebi. Se eu pudesse viajar para um lugar que não sei onde fica, eu viajaria em direção a você. Eu tocaria o seu rosto e diria que te perdoo, mesmo que você nunca tenha me pedido perdão. Se eu tivesse tido tempo de agradecer pelas vezes que você espantou meus medos dizendo que sempre estaria ao meu lado, mas é impossível não lembrar que quando mais precisei de você, fiquei sozinha, perdida no meio do nada, no meio da escuridão e mesmo assim, não consegui deixar de te amar. Não sei se hoje eu sofro por não tê-lo mais aqui, ou porque tenho dúvidas do que vivi. Tem horas que eu paro pra rever o filme que foi a nossa história de amor e me pego sorrindo de olhos fechados, mas quando eu os mantenho abertos, só me vem na mente o que aconteceu naquela madrugada do dia 16 de Novembro de 2011, quando eu vi que tudo havia sido um engano, uma mentira... Eu não consigo descrever a dor que senti, mas consigo descrever como é sentir tamanha decepção e continuar amando. Você já foi o meu porto seguro, já foi o homem que eu escolhi para envelhecer ao meu lado, mas não bastava isso, eu precisava te provar que eu era sua, apenas sua e você nunca teve essa prova, pois só via oque sua mente lhe mostrava. Eu te amei, eu te amo e te amarei por toda a eternidade. Eu sei que um dia alguém vai ganhar meu coração e que eu me dedicarei a ele, mas o amor que eu sinto por você vai ficar aqui para sempre. Nunca enganarei ninguém a respeito disso, pois não quero mais viver um conto de fadas, quero viver a vida real e na minha vida real existe um lugar chamado lembrança. É para lá que eu vou quando quero te sentir, te abraçar e por mais que você tenho dito "aquilo" antes de partir, eu sei que você se foi levando meu amor e que vai pensar em mim por toda a sua existência como alma, que, vagando por entre vários mundos, vai me esperar. Hoje penso em você como um anjo, que fica esco